Suspeito da morte de filho do bicheiro Maninho é identificado pela Polícia

preso
Foto: Divulgação

A Delegacia de Homicídios (DH) da capital conseguiu identificar um dos suspeitos da morte de Myro Garcia, filho do bicheiro Waldomiro Garcia, Maninho, em abril deste ano. De acordo com a especializada, José Fabiano Bruno Santiago sequestrou o filho do contraventor, exigiu dinheiro para libertá-lo e, em seguida, matou a vítima. Testemunhas afirmam que foi pago R$ 100 mil para que Myro fosse libertado.
A prisão temporária de Santiago foi decretada pela 2ª Vara Criminal da capital, mas ele está foragido. A DH ainda tenta identificar comparsas do acusado.

LEIA ESSA MATÉRIA COMPLETA NA EDIÇÃO DE QUARTA-FEIRA (18) OU NA VERSÃO ONLINE EXCLUSIVA PARA ASSINANTES.

Deixe um Comentário