Segurança Pública em Queimados contará com reforço

17310095_1359062814177599_8395745695871375525_o

Em encontro realizado no início desta semana no Centro Integrado de Comando e Controle do Estado do Rio (CICC), a Prefeitura de Queimados, por meio do Centro Integrado de Operação de Segurança Pública, definiu as três fases do projeto, que visa implantar uma espécie de “Big Brother” com pelo menos 160 câmeras de monitoramento por toda a cidade. A primeira será concluída dentro de um mês com a reativação de oito câmeras espalhadas pelo centro e nos bairros Ponte Preta e Campo da Banha.

Foto: Thiago Loureiro/ Divulgação

As câmeras foram doadas pelo Governo do Estado e atualmente está sendo feito o trabalho de reativação do link de internet que conecta os equipamentos à sala de operações do 24º BPM (Queimados). Participaram do encontro, o Secretário Municipal do Centro Integrado de Operação de Segurança Pública de Queimados, Lúcio Mauro, o Subsecretário de Comando e Controle do Estado do Rio, Dr. Rodrigo Alves, o Superintendente de Gestão Integrada, Coronel PM Freitas, Superintendente de TI, Sr. Rodrigo Xavier e o Diretor Geral, Major Marcelo Mendes.

Segundo Secretário do Centro Integrado de Operação de Segurança Pública de Queimados, Lúcio Mauro, o monitoramento foi desativado há cerca de cinco anos e contribuía na identificação dos delitos que eram cometidos no município. “Isso porque com as imagens das câmeras, era possível identificar os infratores com mais agilidade”, afirmou.

Deixe um Comentário