Recompensa é oferecida por assassinos de PMs

CARTAZ-POLICIAL

A Polícia procura pelos assassinos de dois PMs no Rio. Para auxiliar nas buscas, o Portal dos Procurados lançou, na madrugada desta sexta-feira, o cartaz “Quem Matou?”, que estampa o rosto dos soldados da corporação Daniel Cavalcanti da Silva, de 26 anos, encontrado com o corpo carbonizado; e Sandro Mendes de Lyra, de 36, morto após ataque de traficantes na Favela do Mandela. A recompensa oferecida é de R$ 5 mil.

Daniel, lotado na UPP Tabajara, em Copacabana, foi encontrado morto dentro de um carro, na última terça-feira, na Avenida Engenheiro Pires Rabelo, em Bangu, Zona Oeste do Rio. O corpo, que estava esquartejado, parcialmente carbonizado e com marcas de tiros, foi identificado pela Polícia Civil nesta quinta, a partir do exame necropapiloscópico.

O outro PM, Sandro, foi morto com um tiro na cabeça na Favela do Mandela, no complexo de Manguinhos, Zona Norte do Rio, na madrugada desta quinta-feira. A vítima estava na corporação desde março de 2012 e era lotada na Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do Mandela.
Ambos os casos estão sob a investigação da Delegacia de Homicídios da Capital. Ao todo, em 2017, já são nove policiais militares mortos.

Quem tiver quaisquer informações sobre a localização dos suspeitos, pode denunciar através do WhatsApp dos Procurados (21) 96802-1650 ou pela mesa do Disque-Denúncia, no contato (21) 2253-1177. O anonimato é garantido.

 

Deixe um Comentário