Policiais prendem chefes do tráfico acusados de tortura

chefes
Foto: Divulgação/Polícia Civil

Policiais civis da 119ª DP (Rio Bonito) e militares prenderam ontem três criminosos pelo crime de tortura. Lucas Lourenço de Macedo, conhecido como Tutu, Éric de Mello Pereira e Adalberto Silva Leal, conhecido como Sombra, teriam torturado um homem na comunidade do Rato Molhado, em Rio Bonito, por dívidas com drogas.
De acordo com a Polícia Civil, o crime de tortura foi praticado contra um usuário de drogas que supostamente teria dívidas com os traficantes de uma das maiores facções do estado. Segundo o delegado Carlos Eduardo Pereira Almeida, os traficantes foram identificados após um vídeo em que eles torturam o homem ter sido divulgado. Após o vídeo, a vítima revelou detalhes do crime.
Um mandado de prisão foi expedido para os traficantes envolvidos no crime. O primeiro a ser capturado foi o gerente do tráfico de drogas da comunidade Rato Molhado, em Rio Bonito, Lucas Lourenço de Macedo. Ele confessou participação na tortura e a sua liderança no tráfico da comunidade.

Deixe um Comentário