Polícia prende acusada de entregar criança à coronel

pedro-chavarry-duarte-coronel-estupro-reproducao

pedro-chavarry-duarte-coronel-estupro-reproducao

A Polícia Civil prendeu nesta segunda-feira Thuanne Pimenta dos Santos, de 23 anos, suspeita de ter entregue a criança de dois anos ao coronel Pedro Chavarry Duarte, reformado da Polícia Militar, acusado de estupro vulnerável, neste domingo. A mulher, contra quem foi expedido um mandado de prisão temporária, é vizinha da criança.

A prisão de Thuanne foi decretada pela juíza Maria Izabel Pena Pieranti, a pedido da delegada Cristiana Onorato, da Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima (DCAV). Segundo a assessoria de imprensa da PM, o coronel reformado também é acusado de oferecer “vantagens” aos policiais militares que o prenderam. A equipe recusou a oferta e levou o coronel à delegacia.

Ainda de acordo com a Polícia Militar, além de responder perante a justiça comum, ele também será submetido a um Processo Administrativo Disciplinar dentro da corporação que poderá expulsá-lo.

A Secretaria Estadual de Assistência Social e Direitos Humanos divulgou no domingo, uma nota informando que o coronel já havia sido preso sob a acusação de tráfico de crianças na década de 90, quando ele ainda era capitão.

Em nota, a Polícia Civil afirma que, “com base nas provas reunidas, a Delegada representou pela decretação da prisão temporária de Thuane no plantão judiciário de ontem, dia 11 de setembro. A medida foi decretada pela Juíza Maria Izabel Pena Pieranti. Na manhã de hoje, equipe da DCAV realizou diligências na comunidade Uga-uga, em Ramos, e prendeu a criminosa na Travessa Leonor Mascarenhas. A investigação continua em andamento”.

 

Deixe um Comentário