PM do 'bicho' é fuzilado

fuzilada

fuzilada

O carro de um policial militar foi fuzilado, na tarde desta terça-feira (16), na Rua Marcos de Macedo, em Guadalupe, Zona Norte do Rio. Atingido por diversos disparos, o soldado Márcio Allevato Pereira, lotado no 41º Batalhão de Polícia Militar (Irajá), não resistiu aos ferimentos. A Divisão de Homicídios da Capital (DH) enviou equipes ao local.

Em 2011, ele e outros seis PMs foram presos acusados de participação na morte do sargento do Corpo de Bombeiros Antonio Carlos Macedo, na Praia da Reserva, entre a Barra da Tijuca e o Recreio. Macedo era apontado pela polícia na época como ex-braço direito do contraventor Rogério de Andrade, que também teve a prisão pedida pelo Ministério Público, acusado de ser o mandante do crime.

De acordo com informações de testemunhas, o policial havia acabado de sair de uma agência bancária no momento em que foi atacado. Ele chegou a ser socorrido por agentes do Corpo de Bombeiros de Guadalupe, porém morreu no local.

Deixe um Comentário