Mulher roda após matar o pai e fingir latrocínio

Homicida-20
Foto: Divulgação

Jéssica Coutinho, de 30 anos, foi presa por uma equipe da Delegacia de Homicídios da capital (DH-Capital) de ontem, por ter matado o pai, Paulo Cesar, no 29 de agosto do ano passado. A suspeita foi encontrada em casa, na Pavuna, na Zona Norte do Rio.
As investigações mostraram que a mulher deu um tiro na nuca do pai para ficar com a herança de imóveis residenciais e comerciais.

O crime foi registrado, em princípio, como latrocínio (roubo seguido de morte). Após matar o pai, ela contou à polícia que um criminoso havia entrado na casa e, em luta corporal, acabou por matar Paulo Cesar. Mas a equipe, chefiada pelo delegado Daniel Rosa, descobriu através de investigações que Jessica era a autora do crime.

Leia essa matéria completa na edição de quarta-feira (20)  ou na versão online exclusivas para assinantes…

Deixe um Comentário