Lição de moral para Crivella

Censo-16
Foto: Reprodução vídeo

Guardas municipais entoam cânticos afro e lavam a honra dos colegas do Rio que foram submetidos a censo religioso.

A polêmica em torno do censo religioso na Guarda Municipal do Rio aumenta o tom dos discursos contraários à política de predileção religiosa supostamente imposta pelo prefeito do Rio, Marcelo Crivella (PRB).
Felizmente, as discussões acaloradas deram voz ao deputado estadual Átila Nunes (PMDB) que já solicitou ao Ministério Público o afastamento da comandante da GM,
inspetora Tatiana Mendes. Nas redes sociais, um vídeo chamou a atenção dos cariocas e, provavelmente, provocou repulsa em Crivella, declaradamente adepto do evangelismo e bispo da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD). Nas imagens, policiais militares da Bahia, com uniformes semelhantes aos da GM-Rio, entoam cânticos do candomblé, com uma agente dançando. E um primeiro momento a cena parece se tratar de um protesto contra o prefeito Rio, tanto que o vídeo viralizou entre os servidores da Prefeitura.

Leia essa matéria completa na edição impressa de quarta-feira (16) ou  na versão eletrônica exclusiva para assinantes do site Hora H…

 

Veja o vídeo na integra: 

 

 

 

Deixe um Comentário