Justiça decreta prisão preventiva de coronel

coronel-chavarry

coronel-chavarry

A Justiça decretou nesta segunda-feira (12), a prisão preventiva do coronel Pedro Chavarry, oficial reformado da Polícia Militar, acusado de estupro contra uma menina de 2 anos, em Ramos, na Zona Norte. A juíza Cristina Araújo Goes Lajchter aceitou o pedido da Polícia Civil. Ele foi preso no sábado, após ser flagrado com a criança nua dentro de um carro, em Ramos, Zona Norte do Rio.

Algemado, ele compareceu a uma audiência no Tribunal de Justiça (TJ). Na sessão, Chavarry declarou que mora com a mulher na Barra da Tijuca, Zona Oeste, e que tem uma filha maior de idade e uma renda mensal de R$ 10 mil. O coronel encontra-se preso no Batalhão Especial Prisional, em Niterói, Região Metropolitana do Rio.

Deixe um Comentário