Jovem é assassinado ao sair de lanchonete em Nilópolis

nilopolis

nilopolis

O corpo do jovem Carlos Tadeu, de 25 anos, assassinado na madrugada desta segunda-feira, no Centro de Nilópolis, foi sepultado à tarde no cemitério municipal de Mesquita. Ele e dois amigos saíram de uma casa de shows em Nilópolis e resolveram parar numa lanchonete, quando três homens num carro preto, anunciaram o assalto. Carlos saía do local. Ele reagiu e foi baleado. A vítima não resistiu ao ferimento e morreu na hora. Os amigos não ficaram feridos. Os bandidos levaram o cordão de prata do rapaz, mesmo caído no chão.

O caso aconteceu por volta das 5h10. Ele, após o lanche, iria para casa tomar banho e trabalhar na empresa Rio Energia, que presta serviços para a Light.
Ele foi enterrado com a bandeira do Flamengo. A mãe se debruçou sobre o caixão e ficou em estado de choque. Agentes da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) investigam o crime. Eles vão recolher imagens de câmeras do local para tentar identificar os criminosos, que continuam foragidos.

Deixe um Comentário