Início de sacanagem

Rogerio

De acordo com o blog do jornalista Elizeu Pires, aliados do prefeito Rogério Lisboa estão preocupados com o loteamento de cargos em Nova Iguaçu para pessoas ligadas ao ex-governador Anthony Garotinho e ao senador Lindbergh Farias. Lindbergh governou a cidade por cinco anos e três meses, deixou uma herança maldita de R$ 1,2 bilhão em dívidas e arrombou as finanças do fundo de previdência dos servidores.

O senador foi um dos principais apoiadores de Rogério e já teria disponibilizado para ele vários nomes de São Paulo, alguns deles tiveram muito poder na desastrosa gestão lindbergniana. Um dos nomes que mais insatisfação tem causado nos “carregadores de piano” da campanha do hoje prefeito é o do secretário de Governo, Cleiton de Souza Rodrigues, que passou a ser visto com desconfiança a partir do vazamento de uma escuta telefônica feita por ordem da Justiça em uma linha usada por Garotinho, na qual um homem identificado como Cleiton de Souza Rodrigues conversa sobre aquisição de material escolar, um livro comprado pela Prefeitura de Campos, mas que é distribuído de graça aos municípios pelo governo federal.

No “grampo” Garotinho respondia a uma pergunta do tal Cleiton sobre o material didático usado da rede municipal de ensino de Campos, um livro adotado na gestão da ex-prefeita Rosinha Matheus – mulher do ex-governador – que teria sido vendido pelo tal Dalcir. No diálogo o ex-governador, ex-deputado federal e secretário de Governo na gestão passada, afirma que o material “é bom, mas causa uma polêmica danada, porque o município acaba pagando por um livro que o governo oferece de graça”. Cleiton, na conversa gravada, afirma que pegaria o material e levaria a Rogério.

A escuta foi feita no período em que o ex-governador estava sendo investigado em inquérito sobre crime eleitoral – o mesmo que resultou no processo que levou Garotinho à prisão e resultou na cassação dos mandatos de cinco vereadores eleitos em Campos nas eleições do ano passado – e vazou com a seguinte transcrição:

Cleiton de Souza Rodrigues – Alô! Ôpa! Deixa eu te perguntar rápido: o produto do Dalcir é bom? Vale a pena?

Garotinho – Olha… bom… Subiu o nosso Ideb aqui…

Cleiton – É?

Garotinho – É… Mas deu muita polêmica…

Cleiton – É?

Garotinho – Porque você paga pelo livro que o governo federal oferece, né… de graça!

Cleiton – Entendi. Enfim, eu vou conversar com ele, aí eu levo pro Rogério e te depois te digo.

Garotinho – Então tá bom.

Cleiton – Tá? Valeu. Um abraço.

Deixe um Comentário