Homem que matou avó é preso com fantasia de palhaço

regis-de-azevedo-jpeg

regis-de-azevedo-jpeg

Um homem identificado como Regis de Azevedo, de 33 anos, estava fantasiado de palhaço quando foi preso acusado de tentar matar a própria avó. Ele, que teve a prisão preventiva decretada pela Justiça no dia 12 de abril último, foi detido na altura da Central do Brasil.  O criminoso tentou desviar o seu trajeto quando avistou os PMs, mas acabou sendo detido. A prisão aconteceu no último domingo.

Os policiais descobriram que em nome de Regis havia um mandado de prisão, expedido pelo Tribunal de Justiça do Rio. No ano passado, ele foi acusado de furtar R$ 200 da avó.

O rapaz teria ameaçado a própria mãe para que ela assumisse o furto. No entanto, pouco depois, o marginal teria atacado a socos e joelhadas a idosa de 91 anos. O crime ocorreu dentro de casa, em Niterói. A idosa, segundo denúncia do MP, foi encontrada no chão desacordada e sangrando.

Ele foi levado inicialmente para a 5ª DP (Mem de Sá). A Secretaria de Administração Penitenciária confirmou que Regis já está preso na cadeia pública José Frederico Marques, no Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, na Zona Oeste do Rio.

Deixe um Comentário