Filho do ‘Rei do Bacalhau’ é condenado a 21 anos de prisão

site rei do bacalhau

O Conselho de Sentença do 1º Tribunal do Júri da Capital condenou Antonio Fernando da Silva e Jackson Almeida Galo pelo assassinato de Plácido da Silva Nunes, fundador do restaurante “Rei do Bacalhau”. Segundo o site do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, Antonio era filho adotivo do empresário e foi condenado a 21 anos, 9 meses e 10 dias de reclusão. Jackson, que teria conduzido o executor ao local do homicídio, recebeu uma pena de 18 anos e oito meses.

LEIA ESSA MATÉRIA COMPLETA NA EDIÇÃO DE SÁBADO (25) OU NA VERSÃO ONLINE EXCLUSIVA PARA ASSINANTES.

Deixe um Comentário