Cristina Quaresma é a nova secretária estadual de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos

Cristina Quaresma empossada 06 08 2019

Jota Carvalho
jota.carvalho@yahoo.com

Cristina Quaresma é a sexta pessoa da Baixada Fluminense a assumir uma secretaria de Estado. Ela será a titular do Desenvolvimento Social e Direitos Humanos do Governo Wilson Witzel.
Na extinta Secretaria da Baixada, o ex-deputado federal e ex-prefeito de Nova Iguaçu, Nelson Bornier, foi o primeiro nomeado. Depois assumiram, José Carlos Lacerda (ex-prefeito de Caxias e ex-deputado federal), Ernani Boldrim e Cornélio Ribeiro (ambos ex-deputados estadual e federal).  Após a gestão Cornélio Ribeiro a Secretaria da Baixada foi extinta.
Recentemente, Dr.Luisinho, atualmente deputado federal, assumiu a pasta da Saúde, no Governo de Luiz Fernando Pezão (preso por corrupção) e, agora, Cristina Quaresma (Desenvolvimento Social e Direitos Humanos). Como detalhe, fora o caxiense José Carlos Lacerda, os demais nomes são de Nova Iguaçu.
Cristina Quaresma, deixa a Secretaria de Assistência Social de Mesquita, com a marca de 130 mil atendimentos mensais e ainda carrega na bagagem o título de ‘A Secretária do Povo’, homenagem recebida dos iguaçuanos.
A posse de Cristina Quaresma aconteceu ontem, no meio da tarde, no Palácio Guanabara. Durante a cerimônia o governador elogiou a pessoa, profissional, mulher, avó, irmã, mãe e gestora da política de assistência social: “uma mulher de fibra, competente e que tem tudo para somar ao setor, agora, em nível estadual”.

Perfil

Luiza Cristina Quaresma de Oliveira é iguaçuana e formada na área da Educação. Iniciou sua carreira como professora, chegando a ocupar o posto de diretora das escolas municipais Sender – hoje chamada Escola Municipal Professor Newton Goncalves de Barros – e Murilo Costa, ambas em Nova Iguaçu.
Sempre preocupada com as questões sociais, ampliou seus conhecimentos na área da Assistência Social. Foi secretária municipal de Assistência Social de Nova Iguaçu entre 1996 e 2004, cargo que voltou a ocupar entre 2013 e 2016 na mesma cidade.
O intervalo de 2005 a 2012 foi dedicado ao município de Queimados, onde passou por diversas áreas. Foi também secretária municipal de Assistência Social e, depois, subsecretária de Segurança. Lá, ainda atuou como gestora do Programa Projovem Trabalhador, qualificando 2 mil jovens para o mercado do trabalho, e como gestora da Praça dos Esportes e da Cultura, onde hoje funciona o CEU – Centro de Artes e Esportes Unificados, no bairro Vila São Roque.

Deixe um Comentário