Coronavírus: deputado Dr. Luizinho sugere usar hotéis e motéis para isolar doentes leves

18 Dr Luizinho

Edição: Jota Carvalho / Hora H
jota.carvalho@yahoo.com

Usar hotéis e motéis inteiros para atender a pacientes com sintomas leves do coronavírus e que não têm condições de fazer isolamento domiciliar. Esta é a proposta que o deputado federal Dr. Luiz Antonio Teixeira Jr. (PP-RJ), coordenador da Comissão Externa da Câmara dos Deputados que está acompanhando o combate ao COVID-19. A medida, que foi adotada na China, atenderia sobretudo a moradores de comunidades onde, muitas vezes, vivem famílias inteiras em um único cômodo.
A Comissão é formada por 10 parlamentares, todos a área médica, entre os quais o ex-ministro da Saúde, Alexandre Padilha (PT-SP).
Na semana passada, a comissão aprovou por unanimidade a proposta do deputado Luiz Antonio Teixeira sugerindo que o país proíba a exportação de Equipamentos de Proteção Individual, como máscaras, luvas e álcool gel produzidos no Brasil (medida já tomada pela Alemanha) e tabele o preço do álcool em gel (como fez a França).
Ex-secretário estadual de Saúde do Estado do Rio, o deputado Luiz Antonio lembra que a medida de usar hotéis para tratar pacientes também foi adotada na China. “Temos que não repetir erros que foram cometidos, como na Itália, mas devemos copiar as medidas que deram certo”, argumenta. “Já será muito difícil criar leitos hospitalares para os casos graves que serão registrados. Mas os casos que não forem devidamente isolados provocarão uma disseminação em massa. Há muitos hotéis e motéis fechados no Rio e com certeza a ocupação vai cair muito com o problema do coronavirus. Então, é preciso pensar em alternativas, parcerias com a iniciativa privada, sobretudo para a população que vive em habitações em que o isolamento domiciliar é inviável”, afirma o deputado, que apresentará projeto de indicação legislativa nesta terça-feira, dia 17/3, para votação na Comissão Externa.