Coordenador da Diversidade Sexual no RJ sofre ataque a tiros

Ataque
Foto: Reprodução/ TV Globo

Nélio Giorgini, coordenador especial da Diversidade Sexual do Rio de Janeiro, prestará queixa nesta segunda-feira (2) na Delegacia da Gávea, na Zona Sul do Rio. Ele contou que foi perseguido por criminosos no domingo, que chegaram a atirar pelo menos seis vezes em direção ao automóvel onde ele estava com os pais e o marido.
Os bandidos estavam em um bar em Benfica almoçando quando, saíram do local por volta das 14h30 para deixar os pais de Nélio em casa. Ele acredita que pode ter sido seguido pelos criminosos, que estavam em uma motocicleta. Os bandidos anunciaram o assalto mas ele não parou o veículo. Os criminosos atiraram mas ninguém ficou ferido.

LEIA ESSA MATÉRIA COMPLETA NA EDIÇÃO DE TERÇA-FEIRA (03) OU NA VERSÃO ONLINE EXCLUSIVA PARA ASSINANTES.

Deixe um Comentário