Comandante e PM são mortos em intervalos de horas

Site-27
Foto: reprodução/whatsapp

Cerca de três horas após o motoboy comandante do 3º BPM (Méier), coronel Luiz Gustavo Teixeira, morrer durante um confronto com bandidos na manhã de hoje (26), mais um PM foi assassinado no Rio. O cabo do 41º BPM Djalma Veríssimo Pequeno, de 48 anos, foi morto durante uma troca de tiros em um Shopping em Guadalupe, Zona Norte do Rio.
Outro policial militar ficou ferido no confronto. Alex Morais de Andrade foi levado socorrido para o Hospital​ Municipal Albert schweitzer. Com a morte do cabo Djalma, sobe para 112 o número de PMs mortos no estado do Rio em 2017, o que dá uma média de um policial morto a cada 2,7 dias.

Deixe um Comentário