Choque de ordem em São João de Meriti

Operação-16

A Secretaria de Ordem Pública de São João de Meriti declarou guerra contra o crime. Na manhã desta quarta-feira (15), o órgão realizou uma operação para reprimir a venda de produtos sem nota fiscal, roubados ou furtados na feira de Vilar dos Teles. Também houve repressão ao comércio de animais silvestres. Foram apreendidas mais de 50 bicicletas e quase 100 celulares.

“Vamos fazer com que a feira volte a funcionar com produtos licenciados. Não vamos permitir o comércio de produtos furtados, roubados ou pirateados. Nosso objetivo é que a feira funcione sem nenhum tipo de ilícito”, assegurou o secretário da pasta, Coronel Francisco D’Ambrósio.

Proteger a cidade
De acordo com o prefeito Dr. João, as ações da prefeitura não são contra o trabalhador, contra o feirante.

“Ao contrário, é para proteger nossa cidade. Quem estiver dentro da legalidade trabalhará sem problema. Tenho compromisso com a segurança pública de São João”, ressaltou o chefe do Executivo.

A Vigilância Sanitária, órgão da Secretaria de Saúde, também participou da operação com a repressão de barracas que vendiam carne de porco e peixe sem condições de conservação e higiene. A ideia é que esses produtos sejam comercializados sem causar dano à população. A ação teve o apoio da 64 DP e do 21° BPM.

Deixe um Comentário