Belford Roxo começa a atender urgência e emergência odontológica

No atendimento odontológico são feitos diversos procedimentos, como por exemplo, sutura e face Crédito - Rafael Barreto/PMBR

Antonio Carlos Pinho, Christian Vieira e Carlos Morelli visitaram a UPA do Bom Pastor, que está atendendo emergência e urgência em odontologia/Rafael Barreto/PMBR

No atendimento são feitos diversos procedimentos, como por exemplo sutura e face

A UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Bom Pastor, em Belford Roxo, começou ontem o atendimento para emergência e urgência da especialidade de odontologia. A unidade já realizava o atendimento em horário de expediente que agora passa a ser 24h. Serão sete cirurgiões-dentistas bucomaxilofacial e sete auxiliares de saúde bucal divididos em plantões de 24h fixos. A sala possui uma cadeira odontológica e equipamentos básicos para contenção, sutura de face, pequenos traumas e outros procedimentos. Em breve, o Hospital Municipal também terá o atendimento odontológico 24h.

O atendimento odontológico sempre foi referência há seis anos no Hospital Municipal. Nesse período, a unidade ficou sem o atendimento da especialidade. “É mais uma vitória para a saúde do município. Vamos começar a operar com equipamentos modernos dentro de salas climatizadas para que o morador tenha todo o conforto e atenção que necessita”, destacou o secretário de Saúde, Christian Vieira.

Procura é significativa
De acordo com o secretário especial de Atenção à Saúde Bucal, Antônio Carlos Pinho, o município tinha a necessidade desse tipo de atendimento e a procura sempre foi grande, principalmente em finais de semana. “Seremos a porta de entrada onde iniciaremos o tratamento e encaminharemos o paciente à unidade de saúde mais próxima de sua residência para dar continuidade. Atenderemos casos como dor de origem dental, suturas de face, drenagem de abscessos, extrações para resolver a dor, além de realizarmos atendimentos a traumas de possibilidade ambulatorial”, explicou Antônio.

O secretário especial de Coordenação dos Médicos, Carlos Morelli, contou que a partir de um bate-papo informal surgiu a ideia da especialidade em urgência e emergência. “Estamos preparados para quem precisar do atendimento, dando continuidade ao que já acontece na UPA Bom Pastor e implantando no Hospital Municipal”, finalizou.