ANDRADE DE ARAÚJO É INCLUIDO NO CINTURÃO DE VACINAÇÃO DE BELFORD ROXO

3
Foto: Rafael Barreto

O bairro Andrade de Araújo foi incluído no Cinturão de Vacinação contra a Febre Amarela, promovido pela Prefeitura de Belford Roxo, através da Secretaria Municipal de Saúde em parceria com a Secretaria Executiva de Promoção e Proteção à Saúde. Mais de duas mil pessoas foram vacinadas ontem (24). O posto de vacinação foi montado na Igreja Adventista do Sétimo Dia, localizada na Estrada da Prata e funcionou das 9h às 14h. No próximo sábado (27), será o Dia D de combate à doença. Vinte e quatro unidades de saúde do município, que já vêm aplicando a vacina desde a semana passada, estarão abertas das 9h às 17h atendendo a população. Um posto avançado será instalado na Praça de São Vicente, na Avenida Boulevard. Do ano passado até a última semana, cerca de 150 mil pessoas foram vacinadas no município.
A indicação para incluir o bairro Andrade de Araújo, no Cinturão de Vacinação, partiu do presidente da Câmara Municipal, vereador Marcinho Bombeiro. Segundo ele, por estar localizado na divisa com Nova Iguaçu, a região se torna vulnerável à transmissão da doença. “Conversei com o prefeito Waguinho (Wagner Carneiro) sobre a necessidade da aplicação da vacina centralizada naqueles moradores e ele nos atendeu prontamente”, disse Marcinho.
“Há um costume grande dos moradores de Andrade de Araújo freqüentarem as cachoeiras de Tinguá. Por isso, a vacinação se faz necessária”, disse o secretário executivo de Promoção e Proteção à Saúde, Robson Sarmento, o Binho. “No entanto, não é preciso desespero. A população pode ficar calma, pois há vacina suficiente no município”, avisa o secretário.

CINTURÃO DE VACINAÇÃO

Depois do anuncio da morte de um macaco na Reserva de Tinguá, em Nova Iguaçu, a Prefeitura de Belford Roxo tratou de proteger sua população. A ação foi promovida na semana passada e incluiu o final de semana e foi chamada de Cinturão de Vacinação. Moradores de bairros localizados na divisa com áreas verdes: de Tinguá, em Nova Iguaçu a Xerém, em Duque de Caxias foram vacinados. “Estamos atentos e não podemos deixar a população correr risco. Enquanto houver necessidade estaremos aplicando a vacina”, garantiu o prefeito Waguinho.
Um grupo de 54 jovens: aventureiros (6 a 9 anos) e desbravadores (10 a 15 anos), integrantes da Igreja Adventista do Sétimo Dia, que atuam como escoteiros, ficaram de olhos na dose da vacina contra a Febre Amarela. “Eles estão sempre fazendo acampamentos e em contato com a natureza e precisavam da vacina”, disse Rosangela Vidal, coordenadora do projeto Apoio de Mães e Adolescentes. “Cheguei cedo e me vacinei logo. Não quero correr risco”, ressaltou Thales Ribeiro, 20, monitor dos desbravadores.
A dona de casa, Gisele Barbosa foi ajudar a prima Natália a levar o casal de filhos, Maria Eduarda de três anos e Jean de quatro para tomar a dose integral da vacina. “Soubemos que a Prefeitura estava vacinando e não perdemos tempo. Agora as crianças estão protegidas e nós também”, destacou. Luana Almeida, 25, mãe de Shaiane de nove meses, Thales, 7 anos e Thalison de 5 anos também levou os filhos para o posto da igreja adventista. “A gente nunca sabe o dia de amanhã e pedimos a Deus para nos livrar. Mas temos que fazer a nossa parte também, por isso, garantir a imunidade das crianças”, declarou. Já a vendedora, Claudia Regina, 31 anos, pediu ao patrão para chegar um pouco mais tarde n o trabalho. “Foi a maneira que encontrei para me vacinar logo. Estava muito preocupada”, afirmou.

Deixe um Comentário