Moro condena Eduardo Cunha a 15 anos de prisão

Foto: Agência O Globo/ Reprodução

O juiz Sérgio Moro condenou o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) a 15 anos e quatro meses de reclusão por corrupção, lavagem de dinheiro e evasão de divisas, em regime fechado. Determinou ainda que o ex-deputado fique preso cautelarmente, mesmo na fase de recursos. Lembrou que, ao determinar a prisão preventiva, considerou que mesmo a perda do mandato não excluiu o risco da continuidade de crimes, de corrupção, extorsões e intimidações.

Na denúncia oferecida à Justiça Federal, o Ministério Público Federal (MPF) acusa Eduardo Cunha de receber propina em um contrato da Petrobras para a exploração de petróleo no Benin, na África e de usar contas na Suíça para lavar o dinheiro.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: